terça-feira, 29 de abril de 2008

Proteção ...


Contra olho gordo devemos recorrer a tudo. Será?
Superstição e Proteção?
Para muitos somos simplesmente matéria.
Para outros muitos, somos seres de pura energia.
Em quem devemos acreditar?
Devemos nos deixar influenciar?
Claro que não. Diante de tantas pessoas que se utilizam da situação e da fé dos outros para tirar proveitos, é um pouco complicado achar que algumas coisas possam ajudar você a crescer.
Loucura vir com esses assuntos agora, mas como estou em uma metamorfose intensa, tanto internamente quanto externamente, parei e me questionei quanto a isso. Quero mudar para melhor, quero mudar para crescer, quero mudar para ajudar e me ajudar. Estou buscando um mudança radical na minha vida e acho que a hora é agora, por isso me perguntei quais são as formas para fazer com que as coisas, pelo menos dessa vez, transcorra da forma que espero.
Pelo que sempre escutei, quando estamos investindo em ideias, fazendo coisas novas, mudando, criando e planeando, não devemos contar para muita gente, se possível ao mínimo de pessoas que conseguir, pois falam a questão do "olho gordo, da inveja. Será que isso realmente acontece?
Se isso existe, então a ideia de termos "peças" para evitar os tais são de grande valia. Porém muitas pessoas não acreditam.
Pensar positivo, fazer coisas boas e correr atrás é o primeiro passo para mudanças. Mas será que essa "ajudinha" vale a pena mesmo?
Acredito que mal não não irá fazer, desde que você se proponha a usa-los para o bem. Acredito também nas questão da energia: as palavras tem energia, o olhar tem energia, o toque tem energia, tudo transmite energia e elas estão circulando sempre entre nós. Existem energias que emanam de coisas "boas" e de coisas "ruins" (o bom e ruim depende do ponto de vista), e o nosso organismo, a nossa matéria, a nossa alma, se alimenta de energia e somos vulneráveis a absorver essas energia.
Não estou aqui para culpar ou dizer que algo que aconteceu de ruim são energias negativas, mas essas tais podem contribui para que isso venha acontecer. Inveja, falsidade, ódio, raiva, rancor ... podem ser fontes de energias ruins.
Para tudo na vida deve-se fazer fluir as energias positivas, não se alimente de energia ruins, isso lhe deixa mal e faz com que você passe esse energia ara quem esta por perto (se este estiver vulnerável).
Pode recorrer sim a qualquer tipo de recurso para evitar o má olhado, o olho gordo.
Use patuá.
Use a fininha do Sr. do Bonfim.
Use alho.
Tenha uma figa contigo.
Faça suas orações.
Acredite em algo que te faça bem e lhe dê "gás",ou seja, tenha fé.
Tudo que lhe ajude a sentir-se bem e ficar feliz é valido.
Por isso conta olho gordo tudo que lhe traz tranquilidade e felicidade é a solução!
XÔ URUCUBACA !!!!!!!!!! (hauhauahau)

5 comentários:

Maria Dias disse...

Oi Jeff!

É isso aí!Orai e vigiai!Acredito q somos pura energia e as vezes o q acontece é que não vibramos positivo.Acredito q os invejosos sejam pessoas que não tiveram fé ou seja, não correram atrás do q quiseram pra elas.Hoje penso q devemos falar um pouco menos sobre o q desejamos pra nós!Só por precaução sabe?É isso aí meu jovem...Xô urucubaca!rs

Beijinho e te espero no meu Avesso !

Nilza disse...

Oi, menino!!

Amo vc por lá.

Eu não me preocupo muito com essas coisas, mas lendo assim até acredito e vou ver algo pra usar..hahahahaha

beijos

SAM disse...

Ol� Jeff!

Nosso povo em geral tem por h�bito e tamb�m por cultura usar amuletos, etc. Convenhamos que um banho de sal grosso faz maravilhas para o corpo ( mesmo que n�o espantem as m�s energias). Sobre falarmos de nossos projetos, ouvi numa palestra de um monge taoista que o melhor seria revelar-se apenas quando tudo estivese realizado. Jamais esqueci dos conselhos pr�ticos que dera em sua palestra. Sobre energia, acredito que vivemos num mundo de energia( Ki). Aprendi sobre energia com a minha filha mais nova ( desde que se alfabetizou praticamente sua literatura � filosofia oriental e sobre ernergias). Assim, fiz tres cursos diferentes sobre energia. E todos usamos a energia c�smica, nossa grande fonte. Saber selar nossas energias contra pessoas que nos vampirizam � muito compensador e com �timos resultados. Mas com tudo isso, como devota de Maria ( h�bito cat�lico) rezo bastante e fa�o meus ter�os di�rios ( quase rsrs).

X�OOOOOOOOOOOO urucubaca! V� pra tonga da mironga do kabulet� Rsrsrs

Bjs

Vagando no Espaço disse...

Fé...
Estou ultimamente sem fé... muito cético, muito racional e isso tem deixado mais frustrado com a vida... sei la...
Sei que preciso de fé... fé em alguma coisa...
Acho que o livro que vc emprestou está ajudando a "iluminar" o caminho...
Caminho? Que caminho? Nem sei se estou caminhando!?
hauhauahuahau
Abraços,
Até +

Amanda disse...

Gostei muito desse seu post! Achei por acaso seu blog! Meus parabéns, você é muito expressiva!